Bolsonaro confirma que não irá participar do debate da Globo por recomendação médica; Ciro ironiza ausência
Há quase um mês ele levou uma facada na barriga.

O candidato a presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, confirmou nesta quarta-feira, 3 de outubro, que não irá participar do debate político entre os presidenciáveis que acontecerá na noite desta quarta, 4, na Rede Globo. A decisão vem de uma contraindicação do clínico cardiologista Leandro Echenique e do cirurgião Antônio Luiz Bonsucesso Macedo.

"Nós contraindicamos participação em debates ou em qualquer atividade que pudesse cansá-lo ou obrigá-lo a falar por mais de dez minutos", disse Antônio, durante entrevista. Os médicos preferem que o candidato não faça nenhum esforço físico para não agravar seu quadro de saúde.

Já o cardiologista Leandro disse: "Ele é um paciente que acatou todas as decisões médicas até o momento, com uma brilhante recuperação". Na próxima semana, será feita uma nova avaliação médica. Bolsonaro recebeu alta no último sábado, 29 de setembro.

Pesquisas

Na mais recente pesquisa divulgada pelo Ibope, que ouviu 3.010 eleitores entre segunda (1) e terça-feira (2),  Bolsonaro passou de 31% para 32%. Haddad do PT, de 21% para 23%. Ciro do PDT, de 11% para 10%. Geraldo Alckmin do PSDB, de 8% para 7% e Marina Silva da Rede, continuou com 4%. Os votos brancos ou nulos foram de 12% para 11% e os indecisos de 5% para 6%.

Ciro Gomes 

A ausência do candidato do PSL no debate da Globo, causou um certo incômodo em Ciro Gomes. Em entrevista nesta segunda, Ciro ironizou a ausência de Bolsonaro no debate: "Eu quero dizer a você que eu vou tirar a sua máscara, Bolsonaro. Você não pode deixar de ir ao debate. Você está mentindo, e atestado médico falso é crime". Ele ainda disse: "Vá ao debate da Globo que eu vou mostrar que você é uma cédula de 3 reais".

(Imagem: Reprodução/GloboNews)

QUAL A SUA REAÇÃO?

Facebook Conversas